Confira seis tendências de startups para 2017

 

No Brasil, já são 4.151 empresas em estágio inicial, como apontam os dados da Associação Brasileira de Startups (ABStartups). Para o investidor e empresário Marcio Kogut que também está à frente do projeto da aceleradora 20Startups, em 2017 serão seis segmentos podem ser destaque:

BigData – Machine Learning

O Big Data ficará ainda maior e será ainda mais humanizado. O Aprendizado de máquina estará presente em qualquer tipo de sistema, website, aplicativo para oferecer ofertas de produtos e serviços com base em histórico de compra, interesse e perfil de consumo.

Computação Cognitiva

A Computação cognitiva irá modificar a maneira como são criados sistemas e estratégias de marketing. Será possível criar interações naturais e contextuais com ferramentas que ampliem as experiências dos usuários usando a capacidade da inteligência baseada em computador. Iremos tirar proveito de uma coleção sempre crescente de poderosos algoritmos de inteligência artificial que tratam de visão, fala, linguagem e conhecimento para ajudar em nossos negócios e estratégias.

IoT – Internet das Coisas

As casas estarão cada vez mais inteligentes e integradas ao nosso dia a dia com programações automatizadas de segurança, temperatura, iluminação, programação de TV, equipamentos e até tarefas de limpeza, preparação e pedido de comidas. Iremos conversar com nossos devices solicitando e recebendo infomações de forma naturalmente. Com estas facilidades é possível aproveitarmos melhor nosso tempo como também economizar energia mantendo um planeta sustentável. Atualmente o IOT já está presente em diversos segmentos como varejo, saúde, alimentação como também no setor automotivo com a produção de carros conectados e autônomos.

Segurança contra cybercrimes

Com o crescimento do IoT que virá para transformar o mundo, teremos um grande aumento nos ataques por hackers que poderão cometer diversos crimes como desligar sistemas de automação e segurança, desviar rotas de cargas, e até mesmo mudar configuração de veículos e drones autônomos. Segundo a Juniper researchs serão investidos mais de 3 trilhões de dólares até 2019 para que empresas possam controlar e combater o cybercrime na operação de seus negócios.

Serviços On-Demand

Com o crescimento do Uber e AirbNB que agora estará oferecendo em sua plataforma diversos outros serviços, em 2017 temos um crescimento em modelos de Startups On-demand nos oferecendo dezenas de serviços por compartilhamento.

Fintechs

Em 2016 tivemos um boom nas Fintechs e isso é apenas o começo. Nos próximos anos os bancos terão que se adaptar para esta nova realidade. Atualmente CEOS tem pensado mais em tecnologia do que em gestão e estratégia. O maior desafio é tentar não ser engolidos por novas Startups disruptivas no segmento.

InovaçãoKOGUTMGA PressTecnologia