17% dos cursos de ensino superior no Brasil são EAD

De acordo com dados do Censo 2013, divulgado na última terça-feira (09), o ensino à distância (EAD) corresponde a 17% dos cursos de educação superior no Brasil.

 

Para comentar sobre o tema coloco à disposição Carlos Souza, CEO do Veduca, plataforma brasileira de educação on-line, que disponibiliza videoaulas das melhores universidades do mundo. O portal foi o primeiro do mundo a lançar um MBA on-line e aberto, onde o único pré-requisito é vontade de aprender. Hoje, a plataforma já possui mais de 19 mil alunos inscritos em seus dois cursos – MBA Engenharia e Inovação e MBA em Gestão da Sustentabilidade.

 

Além do especialista, colocamos à disposição cases de usuários do Veduca que optaram por um MBA on-line, por ser mais flexível na correria do dia a dia.

 

Sobre o especialista

 

Carlos Souza é engenheiro e deixou para trás a carreira em uma multinacional para mudar o conceito de educação online no Brasil. Atuou por oito anos como gerente sênior de marketing na P & G. Mas, seu grande sonho era construir uma empresa que ajudasse a melhorar a vida das pessoas. No segundo semestre de 2011, resolveu tirar um período sabático para estudar modelos de negócios que estavam explodindo nos EUA, mas que não haviam chegado ao Brasil. Pensando em resolver um problema real, que é o acesso universal à educação, Carlos criou o Veduca. Desde seu lançamento, a empreitada tem sido reconhecida como modelo inovador de startup.

 

 

 

 

CarreirasEducaçãoMisasiVeduca