Paraíba tem 88% dos municípios em situação de emergência
 

Dos 223 municípios paraibanos, 197 sofrem com falta de chuvas na região

 

O Nordeste já tem 1.063 municípios em situação de emergência por conta da estiagem, número equivalente a 59% dos municípios da região. Paraíba é o segundo estado mais castigado pela seca. Dos 223 municípios da região, 197 foram afetados, o equivalente a 88%. Os dados são do Ministério da Integração Nacional.

 

Neste cenário, uma das principais alternativas de convivência com a seca são as cisternas de polietileno. Ao todo, mais 387 mil estarão instaladas em 11 estados do país, até dezembro deste ano. Os reservatórios permitem o armazenamento de 16 mil litros de água, garantindo condições para uma família de quatro a cinco pessoas se manter por até nove meses. “A gente andava pelas estradas para conseguir água para beber. Era muito sofrimento. Agora graças a Deus nós temos essa cisterna que juntou água da chuva passada e agora ficamos menos preocupados”, contou a agricultora Marisete Isidório da Silva, 40, ao lado do esposo Aluísio Ferreira da Silva, 49, na zona rural de Areial, a 168 km de João Pessoa.

 

De acordo com a Acqualimp, uma das fornecedoras das cisternas de polietileno no País, o material utilizado na fabricação dos equipamentos é adequado à região. “A resina de polietileno somente pode fundir a uma temperatura de 147º C, sendo que na região a temperatura máxima pode oscilar em torno de 50 º C em períodos de clima mais severo, o que desmistifica a informação incorreta de que as cisternas derretem no calor do semiárido”, explicou Amauri Ramos, diretor da companhia.

 

A Acqualimp disponibiliza uma linha gratuita para atender aos beneficiados. Eles podem contatar a companhia em caso de dúvidas e até pedir a troca do reservatório, que tem cinco anos de garantia para defeitos de fabricação, quando necessário. O telefone 0800-081-6060 está disponível de 2ª a 6ª das 8h às 17h.

 

Sugestões de imagens:

 

 

 

 

AcqualimpFSB ComunicaçõesGeralNacional