49% dos brasileiros procuram empresas nas redes sociais

Ao buscar mais informações sobre um empregador, 49% dos brasileiros buscam mais detalhes nas redes e comunidades sociais. Esse índice faz parte de uma pesquisa lançada pela consultoria Universium com a CNN Money, que entrevistou estudantes das áreas de negócios e engenharia em 12 países, incluindo o Brasil. De acordo ainda com o estudo, o segundo lugar na preferência é para os sites de carreiras das companhias, com 40%.

 

Para Andressa Schneider, responsável pelo conteúdo da 99jobs.com, comunidade de carreira voltada principalmente para jovens entre 18 e 24 anos, a busca por informações sobre as organizações é essencial.

 

“Muito mais do que guiar-se por uma descrição de cargo, é necessário entender que organização é aquela, e quem trabalha lá”, defende. “A 99jobs.com tenta reunir um leque de informações como vídeos, avaliações, missão, valores, se o lugar é formal ou informal, depoimentos de quem trabalha na área… Queremos que com isso, as pessoas explorem aquele ambiente, vejam se combina com elas e se vai ser agradável passar os dias naquele tipo de lugar. Afinal, saber com quem você vai fazer é tão importante quanto saber o que você vai fazer”, completa.

 


Sobre o 99jobs.com

 

Lançada em junho de 2013, o 99jobs.com foi desenvolvido com o propósito de ajudar o jovem a encontrar o trabalho dos seus sonhos, e fazer aquilo que ele ama. Para que isto seja possível, a comunidade aproxima, a partir de opiniões, pontos de vista, virtudes, gostos e posicionamentos de candidatos e empresas. Semelhante a uma rede social, o ambiente conta hoje com mais de 200 mil usuários cadastrados e pouco mais de 900 companhias inscritas, como CitiBank, Fibria, Abril, Danone e Votorantim.

99JobsComunicação Digital (Internet)Mídias SociaisMisasi