Bolsistas fazem história na disputa do badminton, em Toronto

Pela primeira vez na história dos Jogos Pan-Americanos o Brasil disputará uma medalha de ouro no badminton. Os responsáveis pelo feito foram Hugo Arthuso e Daniel Paiola. Nesta terça-feira (14.07), os dois venceram os dominicanos Jose Cabrera e Ozuna Javier por 2 x 0 (21/13 e 23/21) pela semifinal de duplas e chegaram à final. Os dois brasileiros são contemplados pelo programa Bolsa Atleta, do Ministério do Esporte. 

 

A partida que valerá a medalha de ouro está marcada para esta quarta-feira (15.07). Arthuso e Paiola ainda aguardam a definição de seus adversários. A outra semifinal será realizada ainda nesta terça. Os norte-americanos Phillip Chew e Sattawat Pongnairat enfrentam os mexicanos Job Castillo e Lino Muñoz.

 

O jogo histórico para o badminton brasileiro teve dois sets bastante distintos. No primeiro, Arthuso e Paiola mantiveram a liderança do início ao fim. No fim, fecharam a parcial por 21/13 e abriram vantagem na partida.

 

O segundo set foi muito mais equilibrado. Os dominicanos saíram na frente, mas Arthuso e Paiola se recuperaram e chegaram a abrir 10/6. O duelo seguiu igual até o fim, quando os brasileiros tinham 20/18 e dois match points. Mas Cabrera e Javier se salvaram e viraram a partida para 21/20. Foi a vez de os brasileiros evitarem a derrota na parcial e, com três pontos consecutivos de Hugo Arthuso, selar a classificação com 23/21.

 

Fonte: brasil2016.gov.br

 

Ascom - Ministério do Esporte
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook

EsportesFSB ComunicaçõesInternacionalMinisterio Do Esporte