Estudo aponta baixo uso de internet móvel na Classe C

Levantamento feito pelo TVxtender mostra preferência por desktop e ainda identifica principais regiões e faixa etária em volume de acesso

 

O acesso à internet no Brasil, passados 20 anos, deixou de ser concentrado apenas na população com poder aquisitivo mais elevado. A classe média, representada por 54% dos brasileiros, vem dominando o acesso atualmente. O TVxtender, veículo de distribuição de mídia digital para campanhas de vídeo pertencente à ROIx, estudou os hábitos de consumo deste segmento e identificou que 71% dos usuários possuem baixa propensão a se conectar por meio do celular. O dispositivo é preferido para ações mais rápidas como navegar nas redes sociais ou se comunicar com amigos por meio de aplicativos. Já 53% gostam mais de acessar a internet via desktop, seja em casa ou no trabalho.

 

Das cinco regiões brasileiras, a predominante em números de acessos é a Sudeste, com 42% do total. Na sequência vêm as regiões Nordeste 33%, Norte (30%), Centro-oeste (19%) e Sul (18%).

 

O estudo aponta ainda que a faixa etária mais representativa, com 50%, está entre 28 e 42 anos. Outro dado curioso é com relação ao sexo, pois homens e mulheres empatam no modo de consumir a internet. Dentro deste universo, mais de 50% dos usuários são casados e têm filhos.

 

Metodologia: O levantamento foi feita a partir de base de dados, própria do TVxtender, com 94 milhões de brasileiros. Esse universo foi formado com diversas fontes cruzadas por meio de tecnologias que exploram o Big Data para identificar hábitos e preferências dos consumidores no ambiente digital.

 

Sobre o TVxtender:  O TVxtender é um veículo de distribuição de mídia que busca estender uma campanha de TV para os principais portais e sites da internet brasileira. Idealizada e gerenciada pela ROIx, empresa pioneira em gestão de dados e audiência no País, a plataforma de vídeo trabalha 100% direcionada à compra de mídia por audiência. Com mais de 94 milhões de usuários a plataforma de vídeo possibilita que a entrega do conteúdo publicitário seja realizada de forma precisa, ou seja, somente para o púbico que deve ser impactado. Com o objetivo de aperfeiçoar o alcance das campanhas publicitárias desenvolveram metodologia denominada Video Extension Strategy (V E S), que se propõe a estudar o ponto ótimo dos meios de comunicação que compõe um plano de mídia e busca oportunidades de redimensionar investimentos, assim, potencializando a entrega e resultados. Para gerar segurança e qualidade ao mercado anunciante o TVxtender trabalha com a ferramenta OCR da NIELSEN, que comprova, por meio de relatórios auditados, a assertividade da campanha em relação ao target definido.

 

ComportamentoComunicação Digital (Internet)Lucia FariaTVxtender