Brasileiros continuam procurando imóveis em Miami

Para se ter uma ideia, a procura por esse tipo de imóvel cresceu 20% nos últimos meses; 

Entre abril de 2015 e março de 2016 foram vendidas 214,8 mil propriedades residenciais, representando um volume de US$ 102,6 bilhões

 

Os brasileiros continuam se interessando pelo mercado imobiliário dos Estados Unidos, seja por investimento ou residência. Para se ter uma ideia, entre abril de 2015 e março de 2016 foram vendidas 214,8 mil propriedades residenciais, representando um volume total de US$ 102,6 bilhões. Dentro destes números, os brasileiros representam uma fatia de 3% com 6,4 mil imóveis vendidos para residentes e não residentes.

Os brasileiros procuram imóveis por segurança, já que o dólar continua sendo uma moeda forte, além disso, os proprietários podem ter uma renda extra de locação quando o imóvel estiver vazio”, explica Craig Studnicky, sócio fundador da ISG.

A procura de investidores brasileiros por imóveis de alto padrão em Miami cresceu 20% nos últimos meses. Este aumento foi registrado pela ISG Group - representante de empresários e instituições financeiras de destaque nos Estados Unidos para comercialização, venda e soluções administrativas no setor imobiliário. E ainda, segundo o Miami Report, estudo realizado pela empresa, o Brasil ficou em segundo lugar entre os principais países que adquiriram imóveis em Miami.

Segundo dados apresentados pelo investir USA Expo, evento de investimentos imobiliários nos EUA, as cidades preferidas pelos brasileiros são Orlando, Miami e Fort Lauderdale. Recentemente, a ISG lançou o empreendimento W Fort Lauderdale e rapidamente foram vendidas 8 unidades para brasileiros. “Mesmo com a crise, o que temos ouvido dos compradores é que adquirir um imóvel em Fort Lauderdale seria um investimento seguro. A região tem boas perspectivas de crescimento para os próximos anos e acredita-se que os imóveis irão valorizar mais de 8% neste ano”, finaliza Craig.

 

 

Sobre a ISGhttp://www.isgportalintl.com

 

Muitos clientes brasileiros preferem eleger seus corretores de confiança no Brasil, porém não existem muitos profissionais dedicados, focados e treinados em vender projetos no EUA. Justamente percebendo esta lacuna, a ISG instalou-se no Brasil.

Fundada por Philip J. Spiegelman e Craig S. Studnicky, a ISG representa empresários e instituições financeiras de maior prestigio no país, oferecendo comercialização, venda e soluções administrativas exclusivas para o setor imobiliário.

 

 

 

Forma RPImóveisInternacionalISG