Olimpíadas Acadêmicas preparam alunos para processos seletivos

 

As recentes conquistas brasileiras em campeonatos acadêmicos reacenderam a discussão sobre a importância dessas competições. Em agosto, o carioca Artur Avila, de 35 anos, recebeu a Medalha Fields, considerada o prêmio Nobel da matemática, e André Costa, mineiro de 19 anos, ganhou medalha de ouro na 21ª Competição Internacional de Matemática para Estudantes Universitários (IMC). Ciente do impacto positivo que essas provas podem trazer aos alunos, o Colégio Vital Brazil, localizado na zona oeste de São Paulo, aposta nas Olimpíadas Acadêmicas como uma das formas de prepará-los para processos seletivos.

 

Nessa etapa, os alunos que participam da atividade têm a oportunidade de conquistar medalhas de ouro, prata e bronze, além de saírem mais aptos a disputarem competições acadêmicas. No Brasil, elas são promovidas por instituições como a Sociedade Brasileira de Matemática, Sociedade Brasileira de Física, Associação Brasileira de Química, entre outras.

 

Segundo a diretora pedagógica do colégio, Suely Nercessian Corradini, as olimpíadas estimulam e aprofundam o conhecimento dos estudantes em diversas áreas, permitindo-lhes desenvolver suas habilidades e se preparar para os desafios com maior segurança, além de ensiná-los a lidar com a pressão do tempo para realizá-las.

 

Para o aluno Gilberto Vilar de Carvalho Santos, da 3ª série do Ensino Médio, premiado com ouro na XVII OBA – Olimpíada Brasileira de Astronomia, “essa oportunidade é um mérito em minha vida acadêmica, pois muito me empenhei durante a trajetória escolar”. Com o objetivo de participar do Programa Ciência sem Fronteiras, Gilberto tem se destacado dentre os alunos da 3ª série, ocupando, inclusive, as primeiras posições em simulados.

 

O aluno Henrique Pelisser Viana, medalha de bronze na mesma olimpíada, também percebe a importância dessa conquista, pois se trata de uma olimpíada em nível nacional e esse reconhecimento já inaugura seu currículo vitae. “É a primeira vez que sou premiado, diz Henrique, e agora tenho um incentivo para me inscrever no Programa Ciência sem Fronteiras”.

 

Sobre o Colégio Vital Brazil


Inaugurado em São Paulo no primeiro semestre de 2012, o Colégio Vital Brazil iniciou suas atividades com foco na continuidade acadêmica dos discentes e formação de valores por meio da excelência acadêmica, da transmissão de bases éticas e capacitando os alunos a se atualizarem pedagógica e cientificamente, a fim de responder de forma eficaz aos desafios de um mundo em permanente transformação. Com turmas abertas da Educação Infantil ao Ensino Médio, sob acompanhamento pedagógico desde os primeiros até os últimos estágios da educação básica, o novo Colégio objetiva ampliar os horizontes dos alunos por meio de um ensino de excelência, que lhes desenvolva as habilidades intelectuais, emocionais e motoras necessárias para adquirir os conteúdos e, assim, ingressar nas melhores faculdades do País com uma formação ética e humanista, baseada em valores como o respeito mútuo, a boa convivência e a responsabilidade cidadã. O foco no aprendizado segue ao longo de toda a trajetória do aluno, com forte carga horária para maior aprofundamento nos conteúdos pedagógicos. Mais informações: www.vitalbrazilsp.com.br / Tel. (11) 3712-2218.

Colégio Vital BrazilEducaçãoJuvenilMarqueterie