Pesquisa revela mudança no perfil do trainee geração Y

Quando pensam em mudança, trainees da “geração Y” passam a olhar para dentro da empresa que o contratou e não mais ao mercado

 

A 3ª edição da pesquisa Trainee do Futuro, realizada pelas consultorias Across e Seja Trainee, constatou que a “geração Y”, conhecida pela busca por rápidas e constantes alternativas profissionais, está mudando. Realizado com 591 trainees, de 21 a 30 anos, de 21 estados, contratados em 2014 e 2015 por 66 empresas de diversos setores, o estudo apontou que 37% destes jovens pretendem ficar na empresa por mais de 10 anos, enquanto que 26% esperam fazer carreira de 5 a 10 anos na companhia que o contratou.

 

“A ‘geração Y’ continua com o desejo de crescimento e aprendizado, mas está percebendo que pode viver essas diferentes experiências dentro da mesma organização. Enquanto este jovem for desafiado e estiver motivado na empresa que está, não tem motivo para sair”, diz Kleber Piedade, diretor da Seja Trainee. A pesquisa também constatou que, entre os principais motivos para iniciar a trajetória profissional como trainee, 68% dos entrevistados buscam o desenvolvimento acelerado da carreira, 41% são atraídos pela possibilidade de job rotation e 40% anseiam uma posição de destaque na carreira – os trainees responderam a pesquisa indicando, por ordem de importância, os itens que consideraram mais relevantes. “Estes dados nos indicam que estes jovens valorizam aspectos relacionados ao crescimento e desenvolvimento. Na hora de escolher uma empresa para iniciar a carreira, as perspectivas de futuro pesam mais do que a remuneração”, completa.

 

Quando perguntados sobre os planos para os próximos cinco anos, os trainees sinalizaram que pretendem crescer na organização que estão e ocupar um cargo de destaque. Apenas 2% apontaram que pretendem abrir sua própria empresa nesse período. “Constatamos que os planos da grande maioria destes profissionais (70%) da ‘geração Y’ estão ligados ao desenvolvimento e crescimento profissional dentro das empresas que os contrataram e que eles valorizam, sim, o empreendedorismo, mas dentro do ambiente corporativo”, afirma Kiko Campos, CEO da Across.

 

Com o objetivo de trazer as percepções sobre os processos seletivos, confrontar a expectativa e a realidade dos programas, assim como o que esperam dos gestores e do RH, a 3ª edição da pesquisa Trainee do Futuro contou com um enfoque inédito ao ouvir apenas trainees aprovados nas empresas. O estudo foi apresentado em 15 de abril, em São Paulo (SP), e está disponível em www.traineedofuturo.com.br.

 

Sobre a Across


A missão da Across é fazer convergir o futuro das organizações e os das pessoas. Alinhar objetivos de negócios e carreiras, sempre com um olhar adiante. Viabilizamos transformações consistentes utilizando a ferramenta mais poderosa de todas: a gestão de pessoas. Oferecemos soluções completas, sempre criando uma ponte entre empresas e pessoas. Essa conexão é o que faz a diferença e ajuda a construir um futuro próspero para as organizações.

 

Sobre a Seja Trainee


A Seja Trainee é pioneira na preparação de universitários e recém-formados para os processos seletivos do mercado. Fundada em Setembro de 2011, a empresa já preparou mais de 400 jovens, através de metodologia exclusiva de consultoria e coaching, além de realizar diversas palestras e workshops. Além da preparação de jovens profissionais, a Seja Trainee trabalha diretamente com empresas para ajudá-las a se aproximar dos talentos do mercado. Proprietária dos portais MyTrainee e Ligado na Facul, a empresa oferece às organizações a possibilidade de se comunicar de forma assertiva diretamente com seu público-alvo, além de promover diversas iniciativas dentro das principais universidades do país.

 

CarreirasCDIComportamentoTrainee Do Futuro